Substantivos: listas com exemplos

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

Substantivos são palavras que atribuem nome a seres, objetos, lugares, sentimentos, qualidades, noções. São palavras variáveis, que sofrem flexão em gênero (masculino e feminino), número (singular e plural) e grau (normal, diminutivo e aumentativo).

Substantivo comum

Substantivos comuns nomeiam, de forma genérica, a totalidade de seres de uma determinada espécie. Não especificam, indicando generalizadamente seres que partilham características comuns.

livro
caneta
garfo
panela
mesa
cama
microfone
celular
martelo
bolsa
criança
menina
garoto
pai
mãe
homem
mulher
professor
médica
estudante
ator
empresário
cachorro
gato
cavalo
tigre
papagaio
mico
capivara
palmeira
roseira
samambaia
capim
coqueiro
girassol
goiaba
banana
pitanga
laranja
limão
mamão
montanha
ilha
lago
rio
mangue
serra
bairro
cidade
país
manhã
noite
dia
sol
chuva
vento
mês
século
fada
fantasma
bruxa
sereia
vampiro

Substantivo próprio

Substantivos próprios nomeiam, de forma específica, um ser dentro de uma dada espécie. Particulariza e individualiza um determinado ser, distinguindo-os dos restantes. São sempre escritos com letra maiúscula.

Filipe
Tiago
Rodrigo
Clara
Silva
Ferreira
Brasil
Rio de Janeiro
Macapá
Jericoacoara
Equador
Tailândia
Lisboa
Portugal
Bidu
Bolinha
Fifi
Rex
Amazonas
Solimões
Negro
Tietê
Nilo
Mississipi
Danúbio
Atlântico
Pacífico
Mediterrâneo
Egeu
Everest
Andes
Himalaias
Pirinéus
Sol
Lua
Terra
Marte
Saturno
Carnaval
Natal
Páscoa
Ano Novo
Saci
Iara
Curupira
Zeus
Afrodite
Aquiles
Nike
Avon
Colgate
Pepsi
Nintendo
Grande Sertão: Veredas
O Sítio do Pica-pau Amarelo
O Globo
O Estado de São Paulo
Organização das Nações Unidas
Universidade Federal do Rio de Janeiro
Ministério da Educação

Substantivo coletivo

Substantivos coletivos nomeiam um conjunto de coisas ou de seres da mesma espécie. São sempre escritos no singular, mesmo indicando um conjunto.

álbum
alcateia
armada
arquipélago
arvoredo
bando
bateria
boiada
cacho
cáfila
caravana
cardume
coletânea
colmeia
colônia
comitiva
constelação
cordilheira
enxame
esquadrilha
fardo
feixe
fornada
frota
junta
júri
manada
matilha
ninhada
nuvem
orquestra
panapaná
penca
pilha
plateia
pomar
praga
ramalhete
rebanho
renque
resma
réstia
saraivada
time
tripulação
tropa
turma
vara

Substantivo simples

Substantivos simples são formados por apenas um radical, havendo apenas um significado base na palavra.

flor
roupa
água
canela
planeta
recado
vida
papelaria
drogaria
espera
força
carinho
amizade
diversão
povo
colega
jardineiro
telefonista
marreco
águia
boto
peixinho
manga
ovo
passeio
fome
calor
frio
casinha
cartão

Substantivo composto

Substantivos compostos são formados por dois ou mais radicais, ocorrendo a junção de dois significados básicos distintos. Os radicais podem estar separados por um hífen ou escritos juntos.

arco-íris
quebra-cabeça
segunda-feira
decreto-lei
matéria-prima
cachorro-quente
cavalo-marinho
primeiro-ministro
guarda-chuva
porta-chaves
peixe-espada
bate-papo
beija-flor
corre-corre
couve-flor
tique-taque
turma-piloto
roda-viva
paraquedas
passatempo
pontapé
vaivém
planalto
vinagre
girassol
malmequer
mandachuva
madrepérola
destarte
cor-de-rosa
cana-de-açúcar
bem-me-quer
bem-te-vi

Substantivo concreto

Substantivos concretos nomeiam seres que têm uma existência própria, não dependendo de outros seres para existir no mundo real ou imaginário. Indicam objetos, pessoas, animais, lugares.

cadeira
cortina
rádio
pente
caderno
borracha
janela
tijolo
telha
relógio
garrafa
jacaré
golfinho
serpente
rinoceronte
hipopótamo
formiga
galinha
jaca
pitanga
laranja
melancia
maçã
maracujá
caqui
samambaia
capim
ipê
margarida
cacto
chuva
vento
trovoada
neve
noite
homem
mulher
professora
dentista
porteiro
psicóloga
advogado
praia
jardim
feira
cinema
bruxa
duende
unicórnio
lobisomem
vampiro

Substantivo abstrato

Substantivos abstratos nomeiam seres que não têm uma existência própria, dependendo de outros seres para existir. Indicam sentimentos, sensações, qualidades, noções, ações.

alegria
tristeza
saudade
orgulho
inveja
vergonha
ira
amor
humildade
seriedade
compreensão
confusão
esperança
frieza
amizade
bondade
educação
honestidade
facilidade
complexidade
cor
tamanho
peso
altura
comprimento
espessura
doença
saúde
infância
velhice
pobreza
riqueza
bem-estar
fome
sede
calor
recuperação
organização
desenvolvimento
crescimento
arrumação
elaboração
ensino
aprendizagem
responsabilidade

Substantivo primitivo

Substantivos primitivos têm a sua origem em palavras de outras línguas (latim, árabe, grego, francês, inglês), não sendo provenientes de outras palavras em português.

terra
mar
poeira
pedra
corpo
livro
boca
papel
luz
flor
chuva
casa
porta
sapato
açúcar
cachorro
jornal
ano
árvore
coisa
ferro
fogo
folha
homem
tempo
quilo
jardim
equilíbrio
avião
café
tucano
algodão
laranja

Substantivo derivado

Substantivos derivados têm a sua origem em outras palavras da língua portuguesa. Formam-se a partir de um substantivo primitivo.

território
terraço
marítimo
marinho
empoeirado
desempoeirar
pedreiro
apedrejar
corpanzil
corporal
livreiro
livrete
desbocado
bucal
papeleiro
papelão
luzir
reluzente
florido
floreado
chuvada
chuvisco
casario
caseiro
portão
portal
sapateado
sapateiro
açucareiro
açucarado
equilibrado
desequilibrar
anual
anuário
temporário
temporão
jardinagem
jardineiro
laranjada
laranjal
cachorrada
cachorrice
jornalista
jornaleiro
folhagem
desfolhar
ferreiro
ferrador
arvoredo
arvorar
fogoso
foguear
homenzarrão
cachorrinho

Substantivo comum de dois gêneros

Substantivos comuns de dois gêneros apresentam a mesma forma para indicar o gênero masculino e o gênero feminino, sendo a distinção feita através do uso dos artigos o, a, um, uma ou de outros determinantes.

jovem
colega
cliente
chefe

estudante
gerente
agente
doente
camarada
artista
policial
indígena
dentista
pianista
jornalista
intérprete
imigrante
colegial
anarquista
compatriota
selvagem
servente
herege
jurista
mártir
taxista

Substantivo sobrecomum

Substantivos sobrecomuns apresentam um só gênero, independentemente de se referirem a um ser do gênero masculino ou do gênero feminino. São usados para indicar pessoas.

a pessoa
o ser
a criança
o indivíduo
a testemunha
a vítima
a criatura
o anjo
o gênio
o ídolo
o monstro
o neném
o cônjuge
a estrela de cinema
o ente
o apóstolo
o carrasco
o defunto

Substantivo epiceno

Substantivos epicenos apresentam um só gênero, independentemente de se referirem a um ser do gênero masculino ou do gênero feminino. São usados para indicar animais.

a cobra
a águia
o cavalo-marinho
o chimpanzé
o escorpião
o dromedário
o hipopótamo
a tartaruga
a formiga
o crocodilo
o pinguim
a pulga
a gaivota
a baleia
a barata
a girafa
o gorila
a serpente
a mosca
o mosquito
a zebra
a onça
o tigre
a borboleta
o camaleão
a capivara
o beija-flor
a aranha
o boto
a jiboia
o jacaré
a foca
o besouro
o sapo
o tatu
o panda
a sardinha
o peixe
o polvo
o rinoceronte
a hiena
o rouxinol
a andorinha
o abutre
o gavião
o corvo
o falcão
o condor

Substantivo de dois números

Substantivos de dois números apresentam a mesma forma para indicar o singular e o plural, sendo a distinção feita através do uso dos artigos o, os, a, as, um, uns, uma, umas ou de outros determinantes.

ônibus
lápis
pires
vírus
atlas
cais
bíceps
tórax
xérox
fênix
látex
ourives
mil-folhas
alferes
ônix
clímax
práxis
cálix
Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Também podem interessar

Novo Acordo Ortográfico: regras, exemplos e contexto histórico
Novo Acordo Ortográfico: regras, exemplos e contexto histórico
Palíndromos: o que são e exemplos
Palíndromos: o que são e exemplos
Lista de verbos
Lista de verbos
20 palavras que você pode estar escrevendo errado
20 palavras que você pode estar escrevendo errado
Palavras que rimam com amor
Palavras que rimam com amor
As palavras mais usadas na língua portuguesa
As palavras mais usadas na língua portuguesa

Dúvidas da Língua Portuguesa

Veja também